BOAS-VINDAS

É uma grande alegria receber a sua visita. Tenho o real desejo de tornar este blog um espaço onde possamos discutir, de forma aberta e sincera, assuntos de interesse profissional para todos aqueles que participam da guerra diária contra a criminalidade e a violência.
As opiniões e comentários serão de essencial importância para o sucesso deste espaço de discussões.

OS ARTIGOS PUBLICADOS PODEM SER COPIADOS, DESDE QUE CITADA A FONTE

quinta-feira, 4 de junho de 2009

CAIXA BENEFICENTE

"Como se não bastassem os salários defasados e a carga horária exaustiva, os policiais militares do Ceará enfrentam, agora, mais uma grande dificuldade em suas vidas. Desde o último dia 25 foram suspensas as consignações em folha de pagamento para a compra de medicamentos, alimentos e fardamentos, além de outros serviços que eram prestados à tropa pela Caixa Beneficente dos Militares do Ceará (Cabemce). ´Isso chegou para nós como um ´tsunami´. Vamos morrer por inanição´, declarou emocionado, em entrevista ao Diário do Nordeste, ontem, o coronel PM Maurício Cruz, presidente da Cabemce. A instituição tem 71 anos e conta hoje com um total de 18.500 associados."

Leia mais no Diário do Nordeste

4 comentários:

Alves disse...

Espero que nossa caixa beneficente retorne quanto antes, porém deve ser verificado a forma que os atuais diretores estão praticando as vendas, opu seja, de forma cara, sem um crédito longo e sem facilitar muito as coisas. Outro ponto a ser observado é em torno dos empregos ali gerados, como é feito, deve ser dada oportunidade para todos e não para poucos.

Anônimo disse...

Mais um presente de grego do governo pra PM!
Primeiro Foi uma escala desumana de goela abaixo.
Segundo foi a expectativa de um subsidio gerada pelo próprio comandante geral e subcomandante que saíram de quartel em quartel anunciando boas novas. No fim deram de cara no chão, como todos nós.
Terceiro dividiu a PM em duas: Ronda (gratificado, farda nova, vtr nova, motivação) e POG(mal pago, sem farda, vtrs sucateadas).
Quarto: Aumento diferenciado entre oficiais e praças.
Quinto: FECHOU A ACADEMIA DE POLÍCIA MILITAR!!!!!!!!!!!!!

ATÉ QUANDO VAMOS ACEITAR TUDO ISSO?
AGORA O GOVERNO FECHA A CABENCE E DEIXA VÁRIOS POLICIAIS EM SITUAÇÃO HUMILHANTE DE NÃO PODER FAZER UM SUPERMERCADO PRA DENTRO DE CASA!!!!
E AINDA TEM GENTE QUE COMEMORA.

GEN PATTON.

Anônimo disse...

Sem sombra de dúvidas uma instituição de caráter assistencial e beneficente, privada, sem fins lucrativos, que tem por finalidade assistir aos agentes de segurança e seus dependentes, tem sua importância dentro do cenário sistêmico da segurança pública. É público e notório que estes tipos de associações não possui finalidade econômica(art.53 usque 61/CC/2002), é o que consta a lei. O patrimônio destas instituições são formados, em regra, pelas contribuições ou mensalidades oriundas de associados(a maioria), doações, subvenções de Poderes Públicos; excepcionalmente, de vendas de seus imóveis, taxas de serviços(lembre-se irrisórios), multas, e similares. Não se fala aqui em lucro patrimonial, e distribuição de dividendos, pois se assim for, descaracteriza totalmente a instituição, passando ao estado de ilegalidade. Como estas instituições aumentam demasiadamente seu patrimônio fixo?Como uma instituição, de caráter assistencial, tem principal fonte de recurso o lucro financeiro oriundo de vendas no varejo? Por que estas vendas são realizadas em diversas parcelas, mensalidades, com preços semelhantes ao de mercado, aumentando assim o nível de endividamento dos associados? Ora, é obvio, a primeira opção é a compra à vista, com retirada dos juros financeiros, de modo a diminuir do preço; ou no máximo, em última instância, diminuir o número de parcelas, gerando uma diminuição dos juros. Assim não sendo, e frente o desconhecimento do associado(em gerenciar seu próprio patrimônio), pensando ele que está fazendo uma boa compra, na verdade ele está diminuindo seu patrimônio, pagando juros, e perdendo mais ainda o poder de compra futura, de maneira que perderá disponibilidades e será descapitalizado(se enforcando). E o pior, o pagamento, lhe é tirado na fonte, com status de imposto público. Acho que, neste caso, está mais para sociedade empresarial, e não assistencial. Senhores, esta espécie de pessoa jurídica de direito privado, outrossim, tem como finalidade representação dos associados em demandas judiciais na defesa, manutenção e melhoria dos direitos inerentes dos militares. Estou enganado, ou isto ocorre? Não é, só apenas, fazendo defesa em procedimentos administrativos ou defesas penais que chegaremos a defender os direitos difusos, ou os estatutários dos militares. Ou é? O que vejo é uma lei em vigor definindo a data de fixação da carga-horária, e a Associação “assistencialista” deitada em berço não esplêndido. É senhores! Está na hora de repensar o sono, afinal quem os indica para cargos de direção é o próprio associado. Está na hora de mudanças!

Anônimo disse...

Bem sou novo na instituição e, assim também novo como associado na cabence.Sei que muitos companheiros por ter chegado em um ponto crítico no que diz respeito a folha de pagamento, utilizam a loja da cabence, mais se analisarmos é de uma forma equivocada(comprando caro e parcelado e vendendo barato, à dinheiro, na porta da loja, para aproveitadores, o que mais tarde acarretará em sua folha.Não fiquei contente com o que aconteceu, pois sei que a quem realmente precise da organização para fazer suas compras no final do mês,contudo esta associação não se resume ao comercio, na área de direito, saúde, transporte de mudança, e foi o que me decepcionou, pois fui transferido para o interior e quando precisei deste transporte fui informado que só poderia utilisar este serviço, se pagasse à vista(para onde vai esta contribuição que é retirada todo mês do nosso salário)o que dificultou minha vinda, sem falar que consegui no mercado privado um preço de 150.00 R$ a menos;Bem sou a favor de pagar uma associação mais que de uma forma justa, pois, a contribuição que damos tem que se reverter em vantagens no que diz respeito a preços e a serviços o que não consegui observar nestes anos.Queria parabentear ao criador deste blogger,por esta feliz iniciativa já que somos tão presos no que tange para liberdade de pensamentos e ações,será este recurso uma fonte para que possamos desabafar.